Início/2017/agosto

Marketing de Rede: conheça melhor essa forma de empreender

O Marketing de Rede, ou Multinível, é um modelo de negócio dentro da venda direta. Os brasileiros já estão aderindo a ele, mas, antes de empreender, é preciso informação para evitar fraudes e esquemas de pirâmides.

Para falar sobre o assunto, Roberta Kuruzu, Diretora Executiva da ABEVD, esteve no Canal Futura, no Rio de Janeiro, para participar de um programa especial sobre “Oportunidades nas vendas diretas no modelo marketing multinível”. Confira, abaixo, no programa na íntegra:

No encontro, a executiva teve a oportunidade de prestar esclarecimentos e informações sobre empreendedorismo e de apresentar as importantes diferenças entre os crimes piramidais. Também participaram do programa Lillyana Santoro, profissional do Marketing de Rede – que compartilhou suas experiências no mercado e aprendizados da profissão e o professor da FCV EBAPE, Alexandre Faria, que contribuiu para os esclarecimentos sobre o modelo de negócio.

2019-12-20T11:03:51-03:00agosto 25th, 2017|Categories: ABEVD News|Tags: , , , |

Dica de leitura: 161 Dicas de Sucesso no Marketing Multinível

Especialista dá dicas valiosas para quem deseja empreender no setor

No livro 161 Dicas de Sucesso no Marketing Multinível, o autor Edmundo Roveri, especialista em vendas diretas, com ênfase em marketing multinível, dá dicas valiosas para todos aqueles que desejam empreender no setor, ampliar a sua atuação como revendedor e ter sucesso nas vendas.

livro

Roveri enumera diversos temas que envolvem as Vendas Diretas no decorrer da obra e compartilha com os leitores cinco segredos sobre o setor. São eles:

  1. Não venda qualquer coisa: Acredite no produto com que você trabalha. Não venda algo que não vai auxiliar as pessoas a satisfazer suas necessidades. Ao acreditar no produto que oferece, você fortalecerá o seu sistema de crenças e evitará que sua mente o boicote;
  2. Faça um estoque de pessoas: Um negócio sem estoque e sem produtos para vender não tem como seguir em frente. Nas vendas diretas, o seu estoque principal deve ser de contatos de pessoas. Amplie permanentemente a sua lista de convidados;
  3. Seja persistente: Teimosa é a pessoa que tem um objetivo e insiste em alcançá-lo de uma forma específica e não muda o jeito de fazer as coisas. O persistente tem seu objetivo e adapta a estratégia e as ações até realizá-lo;
  4. Ensine a pescar, mas não pesque pelos outros: No início, dê as coordenadas e esteja junto para fazer a lista de convidados e os primeiros contatos, sempre ensinando como fazer para ter êxito nesse negócio. Ensine o seu patrocinado a encontrar as respostas sem depender de você;
  5. Comunique-se com eficiência: Seja criativo e ativo na comunicação. Envie e-mails, cartas, newsletters, crie eventos, promova jantares e reuniões, etc. Tudo o que você fizer para manter as pessoas ligadas ajudará com o crescimento dos negócios e os relacionamentos.
2019-12-20T14:51:12-03:00agosto 14th, 2017|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , |

Venda direta de produtos de beleza é mais forte no Brasil

Trabalho feito por revendedores representa 26% do total de vendas e tem ajudado o setor a se reinventar em momentos de crise

Pesquisas do BCG e do Euromonitor mostram que 26% das vendas do setor de beleza são feitas por revendedores diretos no Brasil. A modalidade é duas vezes mais representativa que em países como China e Estados Unidos, onde o varejo virtual tem um peso maior. Esses dados apontam a força do setor e justificam a mudança de postura das grandes empresas brasileiras do setor de beleza.

cosmeticos

Para driblar o aumento da concorrência, diminuir os impactos da crise econômica do país e atender às necessidades do consumidor, as gigantes do mercado de beleza têm investido intensamente nos últimos anos na diversificação de seus canais de vendas.

A multicanalidade, segundo os especialistas, é uma tendência natural em momentos em que o mercado está mais concorrido e o consumidor exige a presença das marcas em canais diversos para suprir as suas necessidades.

Exemplo disso, a Contém 1g recentemente adotou a venda direta multinível como forma de acelerar o crescimento e contornar a crise causada pela retração das vendas e pela diminuição no número de investimentos no formato de franquias. “O momento pedia outro canal de venda, no sentido de agregar faturamento, e até para ajudar a ultrapassar o momento de recessão no varejo”, afirmou a gerente de expansão da rede, Joelma Francisco da Silva, em entrevista ao Jornal do Commércio de Manaus.

Hoje, a empresa, que iniciou operações no modelo de venda direta no segundo semestre de 2016, já conta com mais de 12 mil revendedores e o canal já representa cerca de 50% do faturamento total da Contém 1g. Com bons resultados no setor, a empresa espera chegar, até o final deste ano, aos 100 mil revendedores diretos e fortalecer ainda mais a sua marca no mercado de beleza brasileiro.

Fonte: Folha de S.Paulo e Jornal do Commércio de Manaus

2019-12-20T14:51:13-03:00agosto 3rd, 2017|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , |
Ir ao Topo