Novo programa de logística reversa da Natura tem 650 pontos de coleta no Brasil
Estimativa é evitar a emissão mensal de cerca de 17 toneladas de carbono na atmosfera e alcançar meta de 100% de descarte responsável de embalagens até 2030.
Em setembro de 2020, a Natura &Co lançou um programa de logística reversa com o objetivo de reduzir o impacto ambiental gerado pelo descarte inadequado de embalagens e estimular a adoção de hábitos de consumo mais conscientes entre clientes e sua rede de consultoras. O lançamento se deu com cerca de 100 pontos de coleta distribuídos em lojas das marcas Natura e The Body Shop.
Pouco mais de dois anos depois, a empresa reestrutura e amplia o programa “Recicle com Natura”, que agora ultrapassa 650 pontos de recebimento de embalagens pós-consumo em mais de 280 cidades brasileiras e engloba todas as marcas do grupo: Natura, Avon, The Body Shop e Aesop.
“Temos o compromisso de alcançar até 2030, por meio de iniciativas de coleta e reuso, 100% de descarte responsável onde não houver infraestrutura de reciclagem disponível. No entanto, não conseguiremos alcançar essa meta sozinhos. Por isso, a ampliação do nosso programa de logística reversa tem papel fundamental para estimular a sociedade a adotar hábitos mais conscientes em relação à circularidade e reafirmar a nossa crença de que o lixo não é o fim, mas um novo começo”, afirma Paula Andrade, vice-presidente de varejo da Natura &Co América Latina.
Estímulo ao consumidor
Para incentivar a adesão ao “Recicle com Natura”, o grupo oferece brindes e descontos para aos consumidores. “A cada cinco embalagens vazias de produtos de qualquer uma das marcas do grupo Natura &Co entregues nas lojas participantes, os clientes e as consultoras de beleza ganharão diferentes benefícios pela atitude consciente, como 10% de desconto nas compras”, diz Andrade.
Ela explica que, sendo agora um programa multicanal, é possível resgatar os descontos em lojas físicas, nos canais digitais ou ainda nos espaços de revendedoras das marcas. “Ainda que a preocupação com a sustentabilidade já faça parte da jornada de compra de muitos brasileiros, sabemos que tanto a frequência quanto o número de pessoas que adotam práticas conscientes de consumo em seu dia a dia ainda estão muito aquém do ideal. Isso precisa se tornar um hábito entre a população e esses benefícios ainda são uma ferramenta importante para gerar conscientização e fazer as pessoas se engajarem mais com esse movimento”.
Com essa nova fase do projeto, a executiva revela a estimativa de evitar a emissão mensal de cerca de 17 toneladas de carbono na atmosfera, visando se tornar uma empresa carbono zero até 2030. Ela ressalta que “Recicle com Natura” vai também gerar impacto social positivo para mais de 450 famílias cooperadas. “As embalagens recebidas serão destinadas a 14 diferentes cooperativas de reciclagem em mais de dez estados brasileiros”.
Metas sustentáveis
A vice-presidente de varejo lembra que, atualmente, 81% de todo o material de embalagens da Natura já é reutilizável, reciclável e compostável e a meta é chegar até o final da década a 100%, diminuindo, de forma geral, a quantidade total de material de embalagem que utiliza.
“Todas essas iniciativas fazem parte da nossa causa pública ‘Mais Beleza, Menos Lixo’, que propõe oferecer o máximo usando o mínimo e reduzindo excessos. Nosso grande sonho é que, por meio de inovação em produtos e programas de logística reversa, possamos zerar o desperdício e coletar mais resíduos do que geramos”, finaliza Andrade.
Fonte: Brazil Beauty News