ABEVD esteve presente na comemoração, realizada entre os dias 15 e 17 de setembro

A Associação Colombiana de Vendas Diretas (ACOVEDI) preparou evento especial, entre os dias 15 e 17 de setembro, na cidade de Cartagena, em celebração de seus 20 anos. Com um crescimento de 7.8% no ano passado e 2,1 milhões de revendedores no setor, a associação conta hoje com 28 empresas de vendas diretas e uma fornecedora como membros. O destaque do evento foi o plebiscito sobre o Acordo de Paz para o término do conflito e para construção de uma paz estável e duradoura com as FARC (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia). O ex-vice-presidente e atual embaixador da Colômbia em Cuba, Gustavo Bell, também esteve presente.

A ABEVD, na figura da diretora-geral Roberta Kuruzu, esteve representando o Brasil no painel “Os desafios das Associações de Vendas Diretas”, ao lado de Miguel Arismendi (WFDSA – LATAM Advisory Council), Patrícia Cerra (Diretora Executiva da ACOVEDI), Maria Fernanda Léon (Diretora Executiva da AEVD – Equador), Jacques Cosnefroy (Diretor Executivo da FVD – França) e Milka Ortiz (Diretora Executiva da AOSEM- Bolívia). Temas regulatórios, legais, os impactos da tecnologia para o negócio na Venda Direta e sobre empresas de serviços no canal foram debatidos.

Roberta falou sobre os desafios quanto aos impactos das novas tecnologias e serviços no setor no Brasil. Por sua vez, a Colômbia tratou de sua legislação multinível, enquanto o Equador falou sobre os riscos trabalhistas, previdenciários e regulatórios. Já a Bolívia comentou sobre os desafios de uma associação muito pequena e de seus esforços para proteção da excelente reputação que o setor tem naquele país”, resumiu a diretora-geral da ABEVD.