CoinGoBack tem grandes redes varejistas como parceiras e, diferentemente das empresas tradicionais do setor, oferece cashback em criptoativos como o bitcoin

Os programas de cashback, que já são bastante populares nos Estados Unidos e na Europa, vêm ganhando força no Brasil, onde o número de empresas e de adeptos tem crescido consideravelmente. Agora, os consumidores brasileiros têm uma opção para receber o cashback em criptoativos: o CoinGoBack.

Cashback é um programa de fidelidade onde o consumidor recebe de volta parte do dinheiro que gastou em uma compra. Entre as empresas que lideram este mercado no Brasil estão Méliuz, PicPay, Ame e Beblue, entre várias outras. O CoinGoBack, por sua vez, entra neste mercado de olho não apenas na expansão do modelo de negócios mas também no mercado de criptoativos, e é pioneiro no programa de cashback em bitcoin. Além disso, a empresa também monitora as empresas parceiras para oferecer a seus usuários descontos e cupons.

“Esse produto foi pensado para que as pessoas possam ter o primeiro contato com bitcoin, além de ser uma forma de estimular o investimento, pois os consumidores vão obter a criptomoeda sem precisar comprá-la de fato. Seria um dinheiro que, muitas vezes, as pessoas nem teriam de volta, e com essa iniciativa é possível investir sem risco”, declarou Isac Honorato, CEO do CoinGoBack.

Em uma ação para promover a plataforma, o CoinGoBack também criou uma promoção relacionada à Black Friday, que acontece na próxima sexta-feira, 27. Na ação, os consumidores que se cadastrarem poderão girar uma roleta da sorte e ganhar até 1.000 reais em bitcoin, sem necessidade de compra. Depois, caso cumpra os outros desafios da plataforma, poderá ganhar novas chances.

Para usufruir do programa de cashback, basta criar uma conta na plataforma e, no ato da compra, verificar se a loja tem parceria com o CoinGoBack. Isso pode ser feito tanto no site do próprio CoinGoBack quanto através da instalação de uma extensão oficial da empresa no navegador, que avisa sobre a disponibilidade ou não do cashback diretamente nos sites das lojas, sem que seja necessário entrar na plataforma para isso.

Até o momento, a plataforma tem mais de 300 lojas parceiras como Americanas, Submarino, Netshoes, AliExpress, FastShop, Carrefour, Vivara e muitas outras, que já oferecem o cashback em bitcoin, em valores que variam de 2% a 10% do valor utilizado nas compras.

Em cinco meses de operação, a plataforma já possui mais de 10.000 usuários, já gerou mais de 1,5 milhão de reais em vendas e distribuiu mais de 50.000 reais em bitcoin, ether, pax gold e outras criptomoedas em cashback. Vale lembrar, porém, que o valor mínimo para fazer o saque do que foi obtido na plataforma, seja com cashback, seja com a promoção da roleta da sorte, é de 25 reais.

Fonte: Exame