Para Bernardo Dutra, iniciativa é extremamente importante para que a sociedade conheça os benefícios imediatos do setor e seu impacto na economia.

1° Prêmio ABEVD de Jornalismo em Vendas Diretas, uma iniciativa da Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD), visa prestigiar o trabalho dos profissionais de imprensa que se dedicam à cobertura do setor. As inscrições, que se iniciaram no dia 2 de dezembro, seguirão abertas até 27 de março no link.

 Podem ser inscritos trabalhos jornalísticos publicados no período de 31 de janeiro de 2019 a 29 de fevereiro de 2020 em veículos sediados em todo Brasil. Serão aceitas reportagens feitas para rádio, impresso, televisão, internet e multimídia. O vencedor, que receberá o prêmio de R$ 5 mil reais, será anunciado no 3º Congresso Nacional de Vendas Diretas, o maior evento do setor no País, que acontecerá no dia 28 de abril de 2020, em São Paulo.

Desafios

De acordo com Bernardo Dutra, gerente de Marketing da Forever Living Products Brasil, empresa líder mundial no cultivo de produtos à base de aloe vera, atuante no Brasil desde 1996, um dos grandes desafios para os jornalistas na cobertura do setor é compreender as particularidades da venda direta, diferenciando-a de atividades comerciais tradicionais, assim como “perceber os benefícios diretos e imediatos que a área pode proporcionar para indivíduos e suas famílias”.

Na visão de Dutra, os assuntos mais importantes que precisariam constar nas reportagens inscritas são a desmistificação do modelo comercial e divulgação clara de resultados.

De acordo com a ABEVD, hoje o setor movimenta cerca de R$ 45 bilhões por ano, com aproximadamente 4 milhões de empreendedores independentes – profissionais que trabalham revendendo produtos de marcas consolidadas, também chamados de “revendedores” e “consultores” – em todo o Brasil.

Fonte: Assessoria ABEVD