Início/Adicionar código antes da tag </head>. Cosméticos

Forever Living lança máscara facial com aloe vera e bio-celulose

Produto é biodegradável e proporciona hidratação profunda e duradoura
A Forever Living (www.foreverliving.com.br), líder mundial no cultivo, processamento e distribuição de produtos de Aloe Vera, está lançando no Brasil a Aloe Bio Cellulose Mask, máscara facial de última geração que usa tecnologia inovadora e ingredientes naturais para tonificar e hidratar a pele, proporcionando uma aparência mais jovem e descansada.
Indicado para todos os tipos de pele, o produto tem profunda absorção, possui fácil aplicação e não requer enxágüe. As fibras de bio-celulose são mil vezes mais finas que o cabelo humano, permitindo que o produto se molde facilmente a cada contorno do rosto. Isto faz com que os ingredientes penetrem profundamente em linhas finas e rugas, diferenciando-se das máscaras tradicionais que possuem penetração limitada.
A Aloe Bio Cellulose Mask fornece benefícios em duas fases. Através de um processo único para a Forever, uma bactéria especial fermenta naturalmente o gel de aloe vera e ervas marinhas, em seguida, funde-os em tecido de bio-celulose para suavizar, amaciar e condicionar a pele. A máscara é embebida em um soro hidratante, enriquecido com ingredientes naturais, que proporciona à pele uma aparência radiante e renovada por mais tempo. A castanha da índia é adicionada a essa mistura e ajuda a clarear a pele opaca e a reduzir a aparência de vermelhidão. Já o chá verde e os antioxidantes trabalham juntos para combater os sinais de envelhecimento e os radicais livres. A glicerina é um componente-chave do soro, pois fornece os benefícios da hidratação profunda.
Para aplicar o produto, basta remover uma camada de tecido e pressionar suavemente na face para um ajuste perfeito. Em seguida, retire a segunda película. Após 20 minutos, remova a máscara por completo e massageie o rosto. O soro pode ser deixado na pele após o uso, sem necessidade de enxágue. Como a bio-celulose permite que o soro penetre muitas vezes mais profundamente do que as máscaras tradicionais, a sensação de hidratação permanece por muito mais tempo após o uso. A máscara é biodegradável e pode ser descartada sem gerar resíduos para o meio ambiente.
Os cosméticos da Forever Living são reconhecidos pelo Aloe Vera Science Council, instituição que comprova a qualidade de produtos com Aloe Vera de todo o mundo. A marca também obteve o selo Cruelty Free, concedido pela PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).

Forever Living lança máscara facial com aloe vera e bio-celulose

Produto é biodegradável e proporciona hidratação profunda e duradoura

A Forever Living (www.foreverliving.com.br), líder mundial no cultivo, processamento e distribuição de produtos de Aloe Vera, está lançando no Brasil a Aloe Bio Cellulose Mask, máscara facial de última geração que usa tecnologia inovadora e ingredientes naturais para tonificar e hidratar a pele, proporcionando uma aparência mais jovem e descansada.

Indicado para todos os tipos de pele, o produto tem profunda absorção, possui fácil aplicação e não requer enxágüe. As fibras de bio-celulose são mil vezes mais finas que o cabelo humano, permitindo que o produto se molde facilmente a cada contorno do rosto. Isto faz com que os ingredientes penetrem profundamente em linhas finas e rugas, diferenciando-se das máscaras tradicionais que possuem penetração limitada.

A Aloe Bio Cellulose Mask fornece benefícios em duas fases. Através de um processo único para a Forever, uma bactéria especial fermenta naturalmente o gel de aloe vera e ervas marinhas, em seguida, funde-os em tecido de bio-celulose para suavizar, amaciar e condicionar a pele. A máscara é embebida em um soro hidratante, enriquecido com ingredientes naturais, que proporciona à pele uma aparência radiante e renovada por mais tempo. A castanha da índia é adicionada a essa mistura e ajuda a clarear a pele opaca e a reduzir a aparência de vermelhidão. Já o chá verde e os antioxidantes trabalham juntos para combater os sinais de envelhecimento e os radicais livres. A glicerina é um componente-chave do soro, pois fornece os benefícios da hidratação profunda.

Para aplicar o produto, basta remover uma camada de tecido e pressionar suavemente na face para um ajuste perfeito. Em seguida, retire a segunda película. Após 20 minutos, remova a máscara por completo e massageie o rosto. O soro pode ser deixado na pele após o uso, sem necessidade de enxágue. Como a bio-celulose permite que o soro penetre muitas vezes mais profundamente do que as máscaras tradicionais, a sensação de hidratação permanece por muito mais tempo após o uso. A máscara é biodegradável e pode ser descartada sem gerar resíduos para o meio ambiente.

Os cosméticos da Forever Living são reconhecidos pelo Aloe Vera Science Council, instituição que comprova a qualidade de produtos com Aloe Vera de todo o mundo. A marca também obteve o selo Cruelty Free, concedido pela PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).

 

Natura irá liderar operação da The Body Shop na América Latina

Objetivo é fortalecer a presença da The Body Shop na região, alavancando a expertise e escala da Natura e capturar sinergias entre os negócios

A Natura irá assumir, a partir de maio, as operações da The Body Shop na América Latina. O movimento faz parte da estratégia de captura de sinergias pelo grupo Natura &Co, alinhado com o plano de transformação da marca britânica de cosméticos, com o objetivo de fortalecer sua presença na região, preservando a independência e a identidade das duas companhias.

Hoje, a The Body Shop tem cerca de 160 lojas na América Latina, entre franquias e lojas próprias, com presença no Brasil, Chile e México. Diretora de Varejo da Natura, Paula Andrade passará a liderar também a operação da The Body Shop na região, aproveitando as estruturas entre as duas operações. No Brasil, onde se concentram a maior parte das lojas, haverá um Gerente Geral, assim como no Chile e México.

“Queremos, com esse passo, que as duas marcas sejam bem-sucedidas na América Latina, preservando sua identidade. O objetivo, com o movimento, é aproveitar a estrutura da Natura e melhor capturar as sinergias operacionais existentes entre os dois negócios, em áreas como infraestrutura, finanças e tecnologia, para proporcionar à The Body Shop um crescimento consistente na região”, afirma Paula Andrade.

Na América Latina, o plano inclui adaptação do portfólio global para as especificidades da região, com maior ênfase no segmento de fragrâncias e presentes, revisão do gerenciamento de processos da rede de lojas, com adoção de novos sistemas que tornem o varejo da The Body Shop mais competitivo, e aumento da percepção de marca. Além disso, será possível otimizar custos de produção da The Body Shop, usando a escala da Natura.

“Nosso principal objetivo é ampliar a presença da The Body Shop na região, preservando sua identidade feminista e ativista e seus importantes atributos de produtos, como ingredientes naturais produzidos de forma sustentável por meio do comércio justo com as comunidades economicamente vulneráveis. Combinar o vasto conhecimento da Natura nos mercados brasileiros e latino-americano com a singularidade da The Body Shop certamente levará a presença da marca para outro patamar”, afirma Andrade.

A operação da Natura no varejo também segue em expansão, com 37 lojas próprias no Brasil e nove em mercados internacionais. No segundo trimestre, estão previstas a inauguração de mais oito lojas no mercado doméstico.

Fonte: @NaturaBrOficial

 

2019-12-20T15:05:04-03:00abril 17th, 2019|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , , , , |

Venda de cosméticos pela internet para homens aumenta

Público masculino adere cada vez mais às compras online de produtos de beleza

Foi-se o tempo onde apenas as mulheres se preocupavam com o visual. Cada vez mais os homens também percebem a importância de manter a beleza do rosto e do corpo traz inúmeros benefícios. Sendo assim, não é surpresa que a venda de produtos desse segmento para o público masculino pela internet esteja crescendo cada vez mais, assim como as vendas diretas de empresas do setor.

Em pesquisa feita pela Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), 43% dos homens entrevistados confirmaram se considerar vaidosos. Mais do que isso: 61,9% dos homens enxergam o cuidado com a beleza como uma necessidade. Porém, eles não estão sozinhos. 74% dos entrevistados também garantiram gastar mais pela internet quando acompanhados por uma mulher.

Isso explica porque hoje o Brasil já é o 2º maior consumidor do mundo, ficando apenas atrás dos Estados Unidos. Mesmo com um cenário econômico desfavorável, o país teve crescimento de 16% nos últimos cinco anos com relação ao consumo masculino. Com isso, o número de lojas virtuais voltadas para esse segmento também aumentou, sendo que que 70% desse público participam ativamente das compras pela internet, de acordo com a mesma pesquisa.

2019-12-20T14:52:40-03:00outubro 20th, 2016|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |

Empresa de venda direta dos Estados Unidos recruta adolescentes

Willagirl é especializada em cosméticos para meninas dessa faixa etária

Empresas norte-americanas estão investindo em revendedoras adolescentes. Com foco na venda direta de cosméticos para esse público, a Willagirl Inc enxergou uma oportunidade de expansão do seu negócio nessa faixa etária.

Há um ano, a empresa tirou sua linha de cuidados com a pele das prateleiras de mais de 300 lojas dos Estados Unidos. A estratégia agora é recrutar clientes adolescentes para vender os produtos, diariamente, para seus amigos e amigos dos amigos. As reuniões acontecem nas casas, escolas ou lugares onde as garotas de 8 a 13 anos costumam se encontrar. Os convites são sempre feitos via celular (mensagem de texto).

Com pouco mais de 4 anos no mercado, a Willagirl não revela suas vendas anuais, mas já recrutou vendedoras em Nova York, Miami, New Jersey, Califórnia e Colorado, entre outros estados americanos. A empresa oferece 25% das vendas totais, o que pode gerar uma renda entre US$ 320,00 a US$ 3500,00. As anfitriãs das reuniões também recebem 15% das vendas de varejo realizadas no evento, além de um produto com 50% de desconto se as vendas passarem dos US$ 400,00.

Hartley Messer, de 12 anos, é uma das revendedoras, e já recrutou outras sete. De acordo com as regras de compensação da empresa, isso lhe rende um ganho adicional de 5%. “Ela recrutou uma equipe de garotas e adora treiná-las com estratégias de venda”, conta Neile Messer, mãe de Hartley. Em quatro reuniões, a garota conseguiu aproximadamente US$ 1000,00. Ela combinou com os pais que metade dos ganhos irão para uma conta poupança destinada à faculdade.

A Willagirl é uma das empresas norte-americanas que combina o e-commerce e as redes sociais. Fundada por Prunier, ela conta que a inspiração veio da sua filha, Willa Doss, que na época tinha oito anos de idade, e se queixava de ter que usar os produtos da sua irmã bebê, pois não havia produtos cosméticos no mercado para garotas da sua idade.

2019-12-20T14:05:42-03:00fevereiro 27th, 2015|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |

Venda direta de maquiagem está em alta no Brasil

Até 2018, o mercado da maquiagem deve movimentar mais de R$ 18 bilhões

Uma pesquisa recente publicada pela Canadean, empresa especializada em pesquisas de mercado, mostrou que o mercado de beleza e produtos cosméticos brasileiros está em pleno crescimento e se manteve firme nos últimos anos.
De acordo com a pesquisa da Canadean, o consumidor dos produtos de beleza no Brasil é jovem do sexo feminino, e as mulheres de 16 a 34 anos são responsáveis por 40% do consumo de maquiagem no país.  Elas acompanham de perto a moda e mudam de aparência com frequência, sempre seguindo as últimas tendências.
Maquiagem no setor de vendas diretas
A venda direta de produtos de maquiagem no Brasil é algo extremamente popular. A pesquisa também aponta que as compras por meio da venda direta é um momento agradável para as consumidoras, que folheiam os catálogos e estabelecem uma relação de amizade com a revendedora direta.
A analista da Canadean, Kirsty Nolan, responsável pela pesquisa, conta que as marcas internacionais de maquiagem precisam adotar alguns princípios se quiserem conquistar o mercado brasileiro. “Os produtos devem ser facilmente encontrados e ter um preço acessível para as jovens consumidoras. A chave do sucesso é dispor de canais de distribuição eficazes, com base em acordos firmados com empresas de venda direta bem estabelecidas no mercado”, explica.

2019-12-20T14:05:45-03:00janeiro 16th, 2015|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |
Ir ao Topo