Belcorp nomeia Sharon Kanashiro como Diretora Geral do Brasil

A chegada da executiva faz parte do plano de expansão da multinacional peruana de beleza no Brasil

A Belcorp, multinacional de beleza peruana presente em 14 países que atua por meio da venda direta, acaba de anunciar a chegada de Sharon Kanashiro como a nova Diretora Geral da companhia no País. A executiva, de origem também peruana, está na empresa há 15 anos e ocupou, mais recentemente, a cadeira de Diretora Corporativa da Estratégia de Vendas Diretas. Nesta posição, liderou o desenho da estratégia do modelo de negócios que a Belcorp possui atualmente no Brasil e nos Estados Unidos e, por essa razão, está bastante familiarizada com a realidade da empresa no País. 

Realidade essa, muito positiva. A companhia vem crescendo acima dos 50% nos últimos anos. De 2016 para 2017 o salto foi de 78% de incremento nas vendas. A parcial de 2018 versus 2017 já alcançou a marca dos 47% antes do último trimestre do ano.

Mauricio López, Vice-Presidente comercial da Belcorp, afirma que a nomeação de Sharon responde às suas qualidades de liderança, paixão, comprometimento e conhecimento do negócio. “Sharon é uma executiva de alto nível, com mais de 20 anos de experiência e na Belcorp desenvolveu diferentes modelos de crescimento para os mercados e reforçou a proposta de valor para os consultores, frentes que temos como objetivo de desenvolvimento no mercado brasileiro”, diz.

No Brasil, a Belcorp está representada pela marca L’Bel e possui atualmente 40.000 consultores em todo o País. “Essa é uma grande oportunidade de aprendizado e crescimento pessoal”, ressalta Sharon. “Temos um plano robusto para alcançar os nossos objetivos no Brasil”, concluiu ela.

Sharon Kanashiro, estudou Engenharia Industrial na Universidade de Lima, no Peru e concluiu um MBA na Escola de Gestão Global da University of Thunderbird, nos Estados Unidos, e um segundo MBA no Tecnológico de Monterrey, no México.  A executiva desenvolveu sua carreira na área de estratégia de vendas da Belcorp e também foi professora da PUC no Peru.

Fonte: L’Bel