Omnichannel: Cinco razões para investir neste conceito

Entenda por que as empresas de vendas diretas estão mais preparadas para explorar essa tendência

Utilizar os potenciais oferecidos pelas redes sociais para proporcionar melhores experiências de pré e pós-venda é a base para o bom aproveitamento do conceito omnichannel.

Primordial para as vendas diretas, novo comportamento fortalece as relações entre vendedores e clientes, transmite confiança aos negócios e cria um ambiente de crescimento pessoal livre de estresse.

Confira cinco razões para investir no conceito omnichannel:

1) Produtores e distribuidores dos próprios produtos
As empresas de vendas diretas e sua rede de revendedores controlam toda a experiência do consumidor e as questões que envolvem a sua marca.

2) Experiência de consumo continua
A dinâmica das vendas diretas promove a renovação dos ciclos de compras e o estreitamento da relação entre consumidores e marcas. Por meio das informações passadas pelos revendedores, as empresas conseguem oferecer novos produtos e oportunidades de compra para o cliente constantemente.

3) Informações
O grande número de informações sobre o mercado e o consumidor facilitam o desenvolvimento de estratégias de marketing e de comunicação. Dessa forma, é possível promover ações segmentadas para conquistar ainda mais o público consumidor.

4) Efeito Matrix
Ao contrário dos modelos tradicionais do varejo, as vendas diretas permitem a rápida implementação de ações e a obtenção de resultados para o vendedor direto.

5) Social Media – O efeito comunidade

Explorar a experiências das marcas nas redes sociais é fundamental para a adoção do conceito omnichannel. Por meio das informações obtidas e da identificação de oportunidades a partir da manifestação dos consumidores, é possível impulsionar ações que envolvam todas as pontas do negócio, contemplando as necessidades da marca, dos consultores e, principalmente, dos clientes.

 

2019-12-20T14:58:31-03:00março 11th, 2016|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |

Mercado de vendas diretas se rende ao conceito omnichannel

Entenda o novo comportamento do consumidor e ofereça diferenciais em suas vendas

Com o avanço das facilidades proporcionadas pela tecnologia, o mercado de vendas diretas buscou alternativas para adaptar-se à nova realidade. Nesse cenário de mudanças, o conceito omnichannel transformou-se em uma excelente alternativa para o setor.

O reforço na hora da venda é configurado a partir da realidade das tecnologias digitais móveis, ou seja, prevê um envolvimento maior entre quem vende, que precisa prestar um atendimento de excelência presencialmente ou no mundo digital, e quem compra, pessoas ávidas por conveniência, com poder de compra e aderência às novidades.

Dessa forma, o revendedor direto precisa utilizar os potenciais oferecidos pelas redes sociais para proporcionar experiências de pré e pós-venda. Não há mais espaço para a distinção da qualidade das relações e das experiências em diferentes ambientes. Seja no mundo virtual ou nas relações pessoais, a excelência é essencial.

Um estudo feito pela IBM classificou os consumidores omnichannel em quatro tipos distintos, confira:

  • 19% dos consumidores entrevistados praticamente não usam tecnologia para fazer compras.
  • 40% usam as mídias sociais, a geolocalização e a mobilidade para pesquisar informação, mas não as usam para a compra dos produtos.
  • 29% usam as mídias sociais, a geolocalização e a tecnologia de mobilidade para pesquisar produtos e realizar compras de bens.
  • 12% foram classificados como exploradores e pioneiros. Eles usam essas novas tecnologias de forma massiva em todos os canais, inclusive para a escolha da empresa ou marca.

Além disso, o estudo identificou as principais prioridades dos consumidores omnichannel:

  1. Preço consistente entre os diversos canais.
  2. Capacidade de envio de itens “fora de estoque” na loja, diretamente para a sua casa.
  3. Opção de tracking de seu pedido.
  4. O mesmo portfólio de produtos, consistente em todos os canais.
  5. Capacidade de devolução de compras realizadas on-line, na loja física.

Sabendo disso, é preciso manter-se informado e se preparar para lidar com um cenário de compartilhamento intenso de opiniões e novidades, em que a internet é um ambiente de troca de experiências e aprendizado em relação aos produtos e marcas.

Fonte: Matteria

2019-12-20T14:59:37-03:00janeiro 26th, 2016|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |
Ir ao Topo