Forever Living lança máscara facial com aloe vera e bio-celulose

Produto é biodegradável e proporciona hidratação profunda e duradoura
A Forever Living (www.foreverliving.com.br), líder mundial no cultivo, processamento e distribuição de produtos de Aloe Vera, está lançando no Brasil a Aloe Bio Cellulose Mask, máscara facial de última geração que usa tecnologia inovadora e ingredientes naturais para tonificar e hidratar a pele, proporcionando uma aparência mais jovem e descansada.
Indicado para todos os tipos de pele, o produto tem profunda absorção, possui fácil aplicação e não requer enxágüe. As fibras de bio-celulose são mil vezes mais finas que o cabelo humano, permitindo que o produto se molde facilmente a cada contorno do rosto. Isto faz com que os ingredientes penetrem profundamente em linhas finas e rugas, diferenciando-se das máscaras tradicionais que possuem penetração limitada.
A Aloe Bio Cellulose Mask fornece benefícios em duas fases. Através de um processo único para a Forever, uma bactéria especial fermenta naturalmente o gel de aloe vera e ervas marinhas, em seguida, funde-os em tecido de bio-celulose para suavizar, amaciar e condicionar a pele. A máscara é embebida em um soro hidratante, enriquecido com ingredientes naturais, que proporciona à pele uma aparência radiante e renovada por mais tempo. A castanha da índia é adicionada a essa mistura e ajuda a clarear a pele opaca e a reduzir a aparência de vermelhidão. Já o chá verde e os antioxidantes trabalham juntos para combater os sinais de envelhecimento e os radicais livres. A glicerina é um componente-chave do soro, pois fornece os benefícios da hidratação profunda.
Para aplicar o produto, basta remover uma camada de tecido e pressionar suavemente na face para um ajuste perfeito. Em seguida, retire a segunda película. Após 20 minutos, remova a máscara por completo e massageie o rosto. O soro pode ser deixado na pele após o uso, sem necessidade de enxágue. Como a bio-celulose permite que o soro penetre muitas vezes mais profundamente do que as máscaras tradicionais, a sensação de hidratação permanece por muito mais tempo após o uso. A máscara é biodegradável e pode ser descartada sem gerar resíduos para o meio ambiente.
Os cosméticos da Forever Living são reconhecidos pelo Aloe Vera Science Council, instituição que comprova a qualidade de produtos com Aloe Vera de todo o mundo. A marca também obteve o selo Cruelty Free, concedido pela PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).

Forever Living lança máscara facial com aloe vera e bio-celulose

Produto é biodegradável e proporciona hidratação profunda e duradoura

A Forever Living (www.foreverliving.com.br), líder mundial no cultivo, processamento e distribuição de produtos de Aloe Vera, está lançando no Brasil a Aloe Bio Cellulose Mask, máscara facial de última geração que usa tecnologia inovadora e ingredientes naturais para tonificar e hidratar a pele, proporcionando uma aparência mais jovem e descansada.

Indicado para todos os tipos de pele, o produto tem profunda absorção, possui fácil aplicação e não requer enxágüe. As fibras de bio-celulose são mil vezes mais finas que o cabelo humano, permitindo que o produto se molde facilmente a cada contorno do rosto. Isto faz com que os ingredientes penetrem profundamente em linhas finas e rugas, diferenciando-se das máscaras tradicionais que possuem penetração limitada.

A Aloe Bio Cellulose Mask fornece benefícios em duas fases. Através de um processo único para a Forever, uma bactéria especial fermenta naturalmente o gel de aloe vera e ervas marinhas, em seguida, funde-os em tecido de bio-celulose para suavizar, amaciar e condicionar a pele. A máscara é embebida em um soro hidratante, enriquecido com ingredientes naturais, que proporciona à pele uma aparência radiante e renovada por mais tempo. A castanha da índia é adicionada a essa mistura e ajuda a clarear a pele opaca e a reduzir a aparência de vermelhidão. Já o chá verde e os antioxidantes trabalham juntos para combater os sinais de envelhecimento e os radicais livres. A glicerina é um componente-chave do soro, pois fornece os benefícios da hidratação profunda.

Para aplicar o produto, basta remover uma camada de tecido e pressionar suavemente na face para um ajuste perfeito. Em seguida, retire a segunda película. Após 20 minutos, remova a máscara por completo e massageie o rosto. O soro pode ser deixado na pele após o uso, sem necessidade de enxágue. Como a bio-celulose permite que o soro penetre muitas vezes mais profundamente do que as máscaras tradicionais, a sensação de hidratação permanece por muito mais tempo após o uso. A máscara é biodegradável e pode ser descartada sem gerar resíduos para o meio ambiente.

Os cosméticos da Forever Living são reconhecidos pelo Aloe Vera Science Council, instituição que comprova a qualidade de produtos com Aloe Vera de todo o mundo. A marca também obteve o selo Cruelty Free, concedido pela PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).

 

Natura recebe selos por banir testes em animais

Novidade no setor de vendas diretas. A Natura recebeu dois selos de organizações internacionais que comprovam o não uso de testes em animais.

Primeira empresa brasileira a receber o selo “The Leaping Bunny”, concedido pela Cruelty Free International, a Natura também foi contemplada com a certificação da Peta (People for the Ethical Treatment of Animals).

A empresa não realiza este tipo de testes desde 2006 e agora conquistou os dois selos que garantem a não utilização de animais em testes em todas as fases de desenvolvimento dos produtos.

Para receber as certificações, a empresa passa por um rigoroso processo de verificação, que cobre desde o produto final até os ingredientes, ou seja, não basta apenas dizer que não testa, há uma checagem de toda a produção.

O consumo consciente e a pesquisa da origem dos produtos já são tendências entre os consumidores modernos. Obter estes selos reforça o compromisso da companhia com novos modelos de produção.

“As certificações tornam a nossa comunicação sobre esse tema ainda mais transparente. Esse é um compromisso que assumimos há mais de uma década, e desde então investimos muito em inovação e tecnologia para o desenvolvimento de testes alternativos, que garantem a segurança e a eficácia de nossos produtos, ao mesmo tempo em que continuamos a lançar ingredientes inovadores no mercado, como patauá”, explica Roseli Mello, diretora de Inovação e Segurança do Consumidor da Natura.

Fonte: ABEVD

2019-12-20T14:38:46-03:00outubro 15th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |

Natura conquista certificação Peta

Selo reforça o compromisso da empresa contra testes em animais e garante que produtos e ingredientes não passaram por testes em nenhum estágio de desenvolvimento

 

A Natura recebeu, nesta semana, a certificação da Peta (People for the Ethical Treatment of Animals), organização de direitos dos animais, pelo não uso de testes em animais para garantir a segurança e eficácia de seus produtos. O selo concedido pela organização atesta que nenhum produto ou ingrediente da empresa ou de seus fornecedores foi testado em animais em qualquer estágio de desenvolvimento.

Desde 2006, a Natura não testa seus produtos ou ingredientes em animais. Para garantir a eficácia e a segurança de seus produtos, a empresa investe cada vez mais em ciência, inovação e tecnologia, com estratégias integradas de testes e uso de métodos alternativos, como pele 3D e avaliação gênica em larga escala.

Além da certificação pela Peta, a Natura também foi reconhecida, em setembro, com o selo “The Leaping Bunny” para seus produtos e ingredientes, concedido pela organização de proteção animal Cruelty Free International, que atesta o não uso de testes em animais no desenvolvimento de fórmulas e ingredientes. A Natura também é uma das empresas listadas pelo Projeto Esperança Animal (PEA), uma organização ambiental brasileira que luta contra o abuso e a crueldade com os animais.

“As certificações tornam a nossa comunicação sobre esse tema ainda mais transparente. Esse é um compromisso que assumimos há mais de uma década, e desde então investimos muito em inovação e tecnologia para o desenvolvimento de testes alternativos, que garantem a segurança e a eficácia de nossos produtos, ao mesmo tempo em que continuamos a lançar ingredientes inovadores no mercado, como patauá”, explica Roseli Mello, diretora de Inovação e Segurança do Consumidor da Natura.

Sobre a Natura

Fundada em 1969, a Natura é uma multinacional brasileira de higiene e cosmética. Líder no setor de venda direta no Brasil, com mais de 1,7 milhão de consultoras, faz parte da Natura &Co, resultado da combinação entre as marcas Natura, The Body Shop e Aesop – que registrou R$ 9,9 bilhões de receita líquida em 2017. Foi a primeira companhia de capital aberto a receber a certificação B Corp no mundo, em dezembro de 2014, o que reforça sua atuação transparente e sustentável nos aspectos social, ambiental e econômico. Com operações no Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Estados Unidos, França, México e Peru, produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as consultoras Natura, pelo Rede Natura, por meio do app Natura ou nas lojas. Para mais informações sobre a empresa, visite www.natura.com.br e confira os seus perfis nas redes sociais: LinkedInFacebookInstagramTwitter e YouTube.

Sobre a PETA

A PETA é uma organização beneficente internacional sem fins lucrativos com sede em Norfolk, Virgínia, e afiliadas em todo o mundo. Fundada em 1980 dedica-se a estabelecer e defender os direitos de todos os animais. A organização concentra sua atenção nas quatro áreas em que o maior número de animais sofre mais intensamente pelo período mais longo de tempo: em fazendas industriais, em laboratórios , no comércio de vestuário e na indústria do entretenimento.

Fonte: Natura

2019-12-20T15:10:25-03:00outubro 10th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |
Ir ao Topo