Início/Adicionar código antes da tag </head>. Tupperware

As 100 principais empresas de vendas diretas do mundo

A Direct Selling News (DSN), mais respeitável e reconhecida publicação sobre o setor no mundo, publica desde 2009 a lista com as 100 principais empresas de vendas diretas no mundo.

Vale ressaltar que os dados para a pesquisa são colhidos de forma voluntária e empresas importantes no mercado podem não figurar entre as mais bem posicionadas por não divulgarem as informações.

Os dados da pesquisa são referentes a 2018 e trazem a Amway como líder mundial de vendas diretas com US$ 8,8 bilhões de receita. Na segunda posição vem a Avon Products com US$ 5,57 bilhões e em terceiro a Herbalife Nutrition com US$ 4,9 bilhões.

Entre as 10 primeiras colocadas, a Natura ocupa a 6ª colocação no ranking com receita de US$ 3,67 bilhões e a Tupperware vem no 9º posto com faturamento de US$ 2 bilhões.

Para conferir a lista completa com as 100 maiores empresas de vendas diretas do mundo, clique aqui.

Fonte: DSN

2019-12-20T14:29:52-03:00maio 15th, 2019|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , , , |

Presença em encontros marca agenda da ABEVD em março e abril

Os meses de março e abril foram intensos e o trabalho segue a todo vapor na ABEVD. A diretora de assuntos institucionais, Adriana Angelozzi, participou do encontro “Elas Falam – Protagonismo Feminino no Mercado de Trabalho”, promovido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da cidade de São Paulo e pela Adesampa (Agência São Paulo de Desenvolvimento).

A mentoria da Rede Mulher Empreendedora foi outro evento que contou com a participação da ABEVD. Representada pela presidente executiva, Adriana Colloca, a associação esteve em um dos cafés idealizados pelo Instituto Rede Mulher Empreendedora, presidido por Ana Fontes.

A convenção pelos 60 anos da Amway aconteceu em março e reuniu centenas de pessoas em São Paulo. Adriana Colloca esteve presente e prestigiou o encontro entre a marca e os empreendedores independentes.

Entre as empresas associadas visitadas no período estiveram a própria Amway, a Tupperware, além da presença em um evento organizado pela Avon.

Fonte: ABEVD

Como impactar e conectar pessoas fortalece as vendas direta

*Por Angélica Kanashiro, Vice-Presidente de Relacionamento da Tupperware Brands Brasil

 Todos nós sabemos que, ao longo da vida, conhecemos inúmeras pessoas e, muitas vezes, criamos laços duradouros que nos impactam diretamente. O processo de cultivar relacionamentos é uma fonte poderosa para se obter sucesso tanto no âmbito pessoal, quanto no profissional, afinal, nos ajuda a olhar as situações a partir de diferentes perspectivas e nos abre portas para novos contatos e possibilidades.

Talvez, para algumas pessoas, o termo networking possa parecer algo exclusivo do mundo corporativo, mas, na verdade, fazemos isso todos os dias nos mais variados lugares que frequentamos, seja na escola dos filhos, na fila do supermercado, em eventos familiares e até mesmo no salão de beleza. Paralelamente, vale citar as redes sociais e os grupos em que lá estamos inseridos.

Levando todas essas oportunidades de contatos em consideração, encontramos as portas abertas que nos possibilitam a criação da nossa base de potenciais clientes para a venda direta. A partir daí, devemos então investir na nossa imagem e em nosso conhecimento sobre os produtos, pois estes são os fatores fundamentais para o encantamento de clientes.

A primeira impressão é de grande valia! Para reforçar a sua imagem, é indispensável que, ao criar conexões, você seja confiante, a ponto de estender a mão ao outro e se apresentar. Confirmamos essa questão na pesquisa realizada pela Tupperware, em parceria com a Universidade de Georgetown (USA), em que comprovamos que as vendedoras autônomas mais confiantes vendem 22% a mais do que as outras e são 24% mais propícias a superar desafios encontrados no trabalho. Com o laço estabelecido, demonstrar produtos, fechar vendas e atrair novos Consultores para a sua equipe são consequências que surgem mais facilmente e se tornam práticas diárias.  A postura e o brilho nos olhos fazem toda a diferença para aumentar a sua credibilidade.

Certamente, encantar o cliente em um primeiro contato é muito importante, porém, tão importante quanto o encantamento é a fidelização para que assim obtenha sucesso como na carreira de empreendedor. Isso só é possível quando se tem empatia, permitindo então identificar as preferências e necessidades de cada cliente. Além de aprofundar seu vínculo pessoal, permitirá que você ofereça um excelente atendimento e experiências de valor, trazendo soluções para o dia a dia de cada um por meio dos produtos.

Na Tupperware, oferecemos constantemente treinamentos à Força de Vendas com o objetivo de levar o máximo de conhecimento necessário para que se sintam preparados a sugerir produtos e demonstrá-los de forma a agregar valor e gerar vendas. Além disso, treinamentos focados em gestão de negócios e nos crescimentos pessoal e profissional são oferecidos para lhe proporcionarem confiança para alçar novos voos e alcançar o sucesso de maneira constante, sendo que a base está sempre nos relacionamentos construídos e nutridos ao longo do tempo.

Fonte: Tupperware

2019-12-20T15:05:35-03:00janeiro 28th, 2019|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , |

Autoconfiança, conhecimento e bom relacionamento: três fatores-chave para o sucesso na venda direta

* Por Rodrigo Senday

Muito se fala no meio empresarial sobre a importância de se ter coragem, curiosidade, iniciativa para seguir uma carreira promissora. Na venda direta não é diferente e três fatores são fundamentais para o sucesso.

O primeiro é a autoconfiança. Acreditar em si e em projetos que convirjam com seus anseios profissionais auxilia, não só no aumento das vendas, como a alcançar metas definidas para o negócio e realizar sonhos da vida pessoal. Comprovamos em pesquisa realizada pela Tupperware, em parceria com a Universidade Georgetown (USA), que as vendedoras autônomas que se sentem confiantes vendem 22% a mais do que as outras e são 24% mais propícias a superar desafios encontrados no trabalho.

Como segundo ponto, enfatizo sempre que tanto os vendedores diretos que estão iniciando quanto os mais experientes, precisam estar motivados e em constante busca de novos conhecimentos e treinamentos, ainda mais que a venda direta não exige formação específica ou mesmo não necessita de grandes investimentos. Com isso, uma vez que esse profissional adquire novos aprendizados, ele ganha repertório, aperfeiçoamento de técnicas e, claro, aumenta seus ganhos mensais.

Líderes e mentores de excelência que te inspiram a atrair novas pessoas ao negócio e a reter equipe, motivando-os a chegarem onde quiserem é valiosíssimo neste processo. Na Tupperware, por exemplo, o apoio começa já no papel da Líder direta, passando pela Empresária e Distribuidora, que se empenham em levar informação, conhecimento e inspiração para os Consultores, movendo assim, toda a cadeia da empresa.

Para completar essa tríade, pontuo o relacionamento interpessoal como fator essencial para o crescimento das vendas. Redes de contatos sempre atualizadas facilitam negócios e quando ampliadas geram novas oportunidades. Por isso, o relacionamento é uma etapa fundamental para a geração de vendas. É preciso cultivar o vínculo e entender exatamente o que o outro precisa para manter a fidelidade do seu público.

É exatamente esse o propósito de negócio da Tupperware, que além de incentivos, promove o desenvolvimento profissional da equipe da Força de Vendas composta por pessoas que tendo ou não especialização para o mercado de trabalho, abraçam essa oportunidade, desenvolvem seu lado empreendedor e atingem o sucesso.

A venda direta, ao gerar uma aproximação entre os produtos e o consumidor, via Consultor, humaniza todo processo e garante vantagens como atendimento personalizado o que torna o sistema sempre atual, em crescimento e atrai novos interessados a empreender ano após ano.

* Rodrigo Senday é vice-presidente de vendas da Tupperware Brands Brasil

2019-12-20T14:37:16-03:00dezembro 17th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , , |

A confiança transforma

Quem já empreendeu ou leu sobre o assunto sabe que os critérios cruciais são investimento, capacitação, estudo de mercado e público. O que pouco se aborda, porém, são as habilidades comportamentais, os pré-requisitos para o início e a manutenção de um negócio de sucesso. A confiança é, sem dúvida, um deles.

Afinal, como dar o pontapé inicial para a construção do seu negócio sabendo que a nova opção de carreira pode falhar ou, ainda, dar muito certo e mudar sua vida por completo? A resposta é: acreditando nas suas habilidades e compreendendo que os erros são etapas naturais do processo.

Focada em comprovar essa tese, a conhecida marca americana Tupperware encomendou uma pesquisa exclusiva desenvolvida em parceria com a Universidade de Georgetown, nos Estados Unidos. O resultado reafirmou a expectativa. Confiança impulsiona os negócios e pode, sim, ser cultivada.

No processo para chegar a essa resposta, mais de 4 mil pessoas da força de vendas autônoma da Tupperware foram ouvidas – nos Estados Unidos, na África do Sul e no Brasil. A maioria apontou que crer em si mesmo e saber que teria o apoio da organização caso cometesse erros levava a aumentos significativos de produtividade. Nas vendas líquidas, a escalada atingiu 22%, além de gerar maior identificação com a empresa.

Outro apontamento interessante é que, diferentemente do que se pensa, a confiança não é uma característica estática. Ela pode subir até 30% em funcionários inseridos em empresas com cultura de apoio e capacitação.

A pesquisa só reforçou algo em que eu e a corporação que lidero no país há uma década acreditamos: estimular o encorajamento e, consequentemente, a confiança é um fator motivador dos negócios. Em um ambiente mais propício à tentativa (e ao erro, claro), que incentiva as novas ideias, cresce o número de profissionais dispostos a arriscar e experimentar.

Deixando os dados de lado por um momento, proponho aqui uma reflexão. Você já parou para pensar sobre o poder provindo de uma rede de apoio? Quando recebemos suporte de outras pessoas, notamos que as aflições e os receios não são preocupações só nossas. Baixamos a guarda e nos sentimos amparados para encarar problemas, aceitar desafios, falhar e, claro, tentar de novo. Os elos são poderosos e nos fazem mais fortes, acredite!

As etapas no mundo dos negócios e, especialmente, no empreendedorismo não são fáceis. Não existe cenário seguro, mas essa trajetória deve ser encarada como um teste. Você terá, a cada dia, uma nova chance, a oportunidade de fazer dar certo. Se atua em grandes times, é imprescindível que se contagie com o clima e crie elos. Isso vale, inclusive, para a liderança. Para quem atua de forma autônoma em pequenos grupos, a dica é acreditar nas próprias habilidades interpessoais em todas as atividades, inclusive nas pequenas tarefas, como efetuar uma ligação de prospecção. Com o cultivo diário da confiança, você transforma a sua vida e a das pessoas à sua volta. O resultado virá com certeza.

*Artigo escrito por Paola Kiwi, presidente da Tupperware no Brasil.

Fonte: Tupperware

Tupperware Brands Brasil lança Websérie exaltando o sucesso dos Consultores da venda direta  

Multinacional aposta nos canais digitais para apresentar oportunidades de emprego e incentivar futuros empreendedores a terem seu próprio negócio

Com o intuito de gerar novas oportunidades de emprego aos brasileiros e, consequentemente, diminuir as estatísticas do cenário atual – 13,7 milhões de pessoas desempregadas no país, segundo dados do IBGE – a Tupperware Brands Brasil, líder global em soluções com produtos inovadores para a cozinha, lança Websérie com histórias reais da Força de Vendas mostrando as trajetórias e as possibilidades de se obter uma carreira independente e estabilidade financeira.

A Websérie “Confiança que transforma”, dividida em oito capítulos, traz a perspectiva de Consultores de diferentes níveis, idades e regiões do Brasil, que tomaram decisões que transformaram as suas vidas financeiras, mediante o cenário econômico que o Brasil vem passando nos últimos anos. São dois vídeos por mês, até o final do ano, exibidos na página oficial do Facebook Tupperware Brasil, no canal Youtube da marca, no site, e também no Instagram. Os primeiros já estão disponíveis.

O modelo de negócio da Tupperware permite o crescimento profissional, em vários níveis, no qual o Consultor tem a oportunidade de se tornar Líder Empreendedor, Empresário e até expandir para uma Distribuidora. A comissão de venda oferecida é fixa de 26,5% sobre o valor de cada produto vendido, porém, os consultores podem chegar a lucrar 100% sobre o total da venda, devido aos incentivos semanais e conquistas de prêmios em produtos que são proporcionados semanalmente.

Segundo pesquisa realizada pela Global Entrepreneurship Monitor (GEM) em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae*, 20,7% é o percentual das mulheres no grupo de jovens empreendedores iniciais. Esse movimento dos jovens e das mulheres na atividade empreendedora está cada vez mais presente no Brasil, e na Tupperware não é diferente. Hoje 96% da força de vendas da companhia é composta por mulheres e 60% são millennials.

Ao longo do ano, as Distribuições Tupperware espalhadas pelo Brasil, realizam encontros para capacitar pessoas interessadas no trabalho. Com a instabilidade financeira do país, é uma oportunidade da população encontrar novas opções de trabalho.

A adequação aos novos formatos digitais incentivou a marca a expandir os seus canais de comunicação e desenvolver a ferramenta do 0800 0061 200 para facilitar o cadastro de novos Consultores. Além disso, a inscrição também pode ser realizada pelo site Tupperware.

(*) Pesquisa GEM – Global Entrepreneurship Monitor 2017, em parceria com o Sebrae/IBQP sobre o perfil do empreendedor brasileiro.

Fonte: Tupperware

2019-12-20T15:07:30-03:00novembro 8th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |

Tupperware mira no potencial do empreendedorismo brasileiro

A multinacional oferece incentivos exclusivos e possibilidade de lucro de até 100% para quem busca uma carreira independente e estabilidade financeira

Apontado como um dos países mais empreendedores do mundo, segundo pesquisa da Global Entrepreneurship Monitor – GEM em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – SEBRAE (*), empresas de vendas diretas enxergam no Brasil uma oportunidade de proporcionar às pessoas uma forma atrativa para suprir os anseios de independência financeira e mudança de vida, uma vez que o cenário hoje é de 13,7 milhões de brasileiros sem emprego, segundo dados do IBGE.

A Tupperware Brands se destaca neste segmento por proporcionar programa de incentivos, suporte às consultoras e possibilidade de até 100% de lucratividade se comparado com as demais empresas do setor. Para a Vice-Presidente de Relacionamento, Angélica Kanashiro, as consultoras Tupperware e Nutrimetics – marca internacional de cosméticos da multinacional – enxergam esse trabalho como uma experiência e oportunidade única para obter qualidade de vida e flexibilidade de horários. Isso sem falar nos ganhos financeiros. “A nossa força de vendas ganha por produtividade. Há uma comissão fixa de 26,5% sobre o valor de cada produto vendido, porém ela pode chegar a 100% sobre o total da venda, devido aos incentivos semanais e conquistas de prêmios em produtos que são proporcionados semanalmente”, comenta a executiva.

Além disso, a companhia possibilita crescimento profissional na estrutura do negócio, um dos pontos mais almejados pelos jovens brasileiros, ainda segundo a pesquisa. “Hoje 60% da força de vendas da Tupperware é formada por millenius. As oportunidades dentro da companhia são inúmeras e a remuneração vem atrelada ao esforço de cada um. Um exemplo disso é que ao trazer mais consultoras é possível se tornar uma Líder e, com isso, ganhar um percentual sobre o seu grupo e vagas em viagens internacionais e nacionais. De acordo com o desempenho da Líder, é possível alcançar patamares mais altos, os de Empresária e de Distribuidora”, completa Angélica.

As Distribuições realizam diversos encontros ao longo do ano ao redor do Brasil para capacitar pessoas interessadas no trabalho. “A ideia é mostrar as muitas possibilidades que a Tupperware oferece para esta população ansiosa por oportunidades”, finaliza.

Além desses encontros, cursos gratuitos online e presenciais – focados em cada nível, são oferecidos à Força de Vendas. Para saber mais, basta entrar no site oficial da marca e procurar por “Encontro Tupperware”.

(*) Relatório Executivo 2017 em parceria com o GEM – Global Entrepreneurship Monitor sobre o aumento da proporção de jovens no grupo de Empreendedores Iniciais

Fonte: Tupperware

2019-12-20T15:07:30-03:00novembro 6th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |

Tupperware Brands participa de programa de intercâmbio para professoras universitárias do Brasil

A capacitação Global Links é inédita no País e visa inspirar o desenvolvimento do empreendedorismo brasileiro para mulheres

Possibilitar que uma professora universitária aprofunde seus conhecimentos sobre empreendedorismo social em um intercâmbio intercultural é a missão do Global Links, programa exclusivo de capacitação da Tupperware Brands, líder global em produtos inovadores. Com duração estimada entre seis e nove meses, o projeto, que oferece conhecimento de ponta exclusivamente para mulheres, chega ao Brasil para formar uma mentora social que auxilie no desenvolvimento de lideranças locais.

Realizado em parceria com a instituição americana Rollins College e o Escritório de Assuntos Globais da Mulher do Departamento de Estado dos Estados Unidos, o Global Links já impactou mais de 4 mil estudantes e docentes em países como Índia e Iraque. A edição que terá uma professora brasileira ocorrerá em três fases, sendo duas delas em Orlando, na Flórida (USA), e uma no Brasil.

A docente escolhida, que fará o intercâmbio para ganhar ainda mais conhecimento sobre o empreendedorismo feminino, terá a experiência de atuar na sede da Tupperware Brands e a missão de se tornar uma agente de apoio à mulheres que necessitam de ajuda para iniciar ou ampliar os seus negócios.
Todo o projeto será pautado por um modelo pedagógico supervisionado com relatórios e atividades acadêmicas em sala de aula. A fase final da capacitação conta com o retorno da docente para Orlando, acompanhada de cinco de seus alunos, para uma imersão de duas semanas na Rollins College. Os jovens serão selecionados a partir do desempenho pessoal no projeto e poderão trocar as experiências com os estudantes americanos.

“Por mais de 70 anos temos despertado nas comunidades globais, especialmente as mulheres, o desejo de perceber o que elas têm de melhor. Em muitas partes do mundo, as mulheres são o recurso mais subutilizado e estamos comprometidos a inspirar e ajudar no desenvolvimento de uma nova geração de empresárias no Brasil”, explica Rick Goings, Chairman da Tupperware Brands. O executivo reforça que o Global Links é uma extensão desse esforço e que o objetivo da Tupperware Brands é expandir a ação para outros países emergentes nos próximos cinco anos.
Processo Seletivo

O processo seletivo já foi realizado e em breve será divulgado a vencedora. O critério de escolha passa pela experiência de trabalho e a sinergia com projetos de empoderamento feminino e empreendedorismo social.
Para participar foi imprescindível que a candidata seja nascida e resida no Brasil, possua passaporte válido, atue profissionalmente como professora universitária em uma instituição credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) – preferencialmente para as graduações de economia ou de disciplinas focadas em negócios – tenha fluência comprovada em inglês e disponibilidade para morar nos Estados Unidos por, pelo menos, seis meses a partir de fevereiro de 2019, data de início do programa. Os custos do transporte, hospedagem, aulas e materiais da professora e seus alunos serão financiados pelo programa.

Site: www.tupperware.com.br

Onde encontrar: para adquirir as novidades, entre em contato com as Consultoras da marca pelo site https://www.tupperware.com.br/encontre.

Fonte: Tupperware

2019-12-20T15:07:31-03:00novembro 1st, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , , |

A força e confiança da mulher nas vendas diretas

Por Paola Kiwi *

A mulher está cada vez mais ganhando espaço no mercado e mostrando seu potencial em diversas áreas. Este desenvolvimento da carreira está diretamente ligado à independência financeira que vem transformando a vida de milhões de mulheres no Brasil.

O setor de vendas diretas é uma importante porta de entrada para o mercado de trabalho. Inclusiva, já que pode ser desempenhada por pessoas de todas as idades, classes sociais e graus de escolaridade, a atividade oferece a oportunidade para o desenvolvimento pessoal e profissional de cada empreendedor.

As empresas do setor disponibilizam treinamentos, workshops e cursos para que as consultoras encontrem a melhor forma de comercializar os produtos, alcançando lucros de acordo com o trabalho desenvolvido.

Em parceria com a Georgetown – Universidade norte-americana – a Tupperware Brands realizou uma pesquisa com mais de quatro mil pessoas da Força de Vendas dos Estados Unidos, África do Sul e Brasil para entender a real importância de cultivar a confiança no ambiente de trabalho em diferentes regiões do mundo. O resultado foi gratificante: descobrimos que confiança impulsiona o sucesso profissional e pode ser sistematicamente cultivada entre cada membro da Força de Vendas independentemente da geografia.

As pesquisas mostraram que os consultores mais confiantes rendem mais e recrutam mais, trazendo em média 27% a mais de novas pessoas para o nosso negócio. Essas descobertas mostram que não importa onde você trabalhe, a confiança é essencial e cabe às empresas construir uma cultura em que a Força de Vendas seja incentivada a aprender e crescer mais confiante, devido ao seu imenso valor. Outro dado precioso coletado pela pesquisa foi que entre as pessoas que se dizem mais confiantes, mesmo após cometerem erros, mas que foram apoiados pela empresa, houve um crescimento de 22% nas vendas em relação aos demais e são 24% mais propícios a superar desafios encontrados na rotina do trabalho.

Vale lembrar que dos 4,1 milhões de empreendedores de vendas diretas mapeados no país em 2017, 56,7% são mulheres. Só a Tupperware conta com 96% da equipe de força de vendas composta por mulheres.

A renda conquistada por elas é de extrema importância para o orçamento familiar e tem ajudado a realizar sonhos e alcançar conquistas para todos os integrantes do lar, como por exemplo, pagamento dos estudos para os filhos e aquisição de bens.

Assim, ao incentivar o empoderamento feminino e oferecer todas as condições para fortalecer a confiança dessas mulheres, o setor contribui para o papel do fortalecimento da mulher diante de toda a sociedade e demonstra o apoio ao empreendedorismo e à criação de novos negócios controlados pela força feminina.

Paola Kiwi é Presidente da Tupperware Brands Brasil.

2019-12-20T14:40:13-03:00agosto 15th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |

Tupperware e Royal Prestige efetivam adesão à ABEVD

As vendas diretas crescem a cada dia no Brasil e no mundo. A força do setor e a representatividade da associação ficam ainda maiores com a efetivação de mais 2 empresas associadas à ABEVD.

Agora fazem parte da entidade como membros efetivos a Tupperware e a Royal Prestige. Ambas eram membros provisórios e desde o mês de julho contam com os benefícios de serem associadas efetivas.

Parceria – Outra empresa que se tornou parceira da ABEVD foi a Maxnível – Sistema de Venda Direta. A empresa pode agora contar com a chancela da associação através de seu selo, além de estar próxima dos maiores e mais importantes players do setor.

Não deixe de nos apoiar, divulgando a oportunidade de parceria a todos os seus fornecedores e interessados no setor. Para se associar, basta entrar em contato com a ABEVD, pelo telefone 5042-0587 ou através do formulário.

Fonte: ABEVD

2019-12-20T14:40:15-03:00julho 13th, 2018|Categories: ABEVD Clipping|Tags: , , , |
Ir ao Topo