Avon e Natura investem no modelo, que é tema do XIV Congresso da WFDSA
Ninguém discute a importância do papel do revendedor para as empresas de venda direta, muito menos como esse trabalho tem mudado a vida de milhares de pessoas nas últimas décadas. No entanto, o mundo evolui e quem não está atento às mudanças acaba ficando obsoleto. É por isso que cada vez mais as empresas de venda direta têm buscado se aproximar dos consumidores pelos canais digitais e potencializar ainda mais as suas vendas por meio deles.
A Avon, por exemplo, somente neste ano já lançou o aplicativo para smartphones Folheto Avon Online, que envia os pedidos do celular do cliente diretamente para seu revendedor, e o aplicativo para Facebook Vitrine da Beleza Avon, que permite que os clientes mandem uma lista de pedidos para os revendedores diretamente pela rede. A empresa, agora, se prepara para entrar também no e-commerce. Segundo o jornal O Estado de São Paulo, a linha de maquiagem Luxe, destinada a um público de maior poder aquisitivo, será a primeira a ser comercializada pela internet no Brasil. Os demais produtos da marca continuarão a ser vendidos somente por catálogo, por enquanto.
Outra que aposta nesta tendência é a Natura. Além da Loja Virtual Natura, em parceria com o site Submarino, a empresa lançou em julho a Rede Natura. Disponível somente para o estado de São Paulo, o site aposta em consultores digitais. Para fechar uma compra, o cliente é obrigado a escolher um consultor, que receberá um porcentual de cada venda. Esse valor, porém, é menor que o recebido pelos consultores tradicionais.
Os negócios na era digital são o tema do XIV Congresso Mundial da Federação Mundial de Associações de Empresas de Vendas Diretas (WFDSA – World Federation of Direct Selling Associations), que acontece no Rio de Janeiro entre 10 e 12 de novembro. O evento discutirá também convergência de mídias sociais, potencial do segmento mobile, engajamento e mobilização social, “empoderamento” das mulheres com as vendas diretas,  e as perspectivas para o setor nos próximos 10 anos. Para conhecer a programação e fazer a inscrição, acesse o site oficial.