A Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABEVD) promoveu na tarde desta quarta-feira (17.06), um Webinar com o tema “Empreendedorismo nos períodos de crise e pós-crise do coronavírus”. O debate foi moderado pela Presidente Executiva da ABEVD, Adriana Colloca, e contou com as participações do Gerente da Unidade de Políticas Públicas do Sebrae Nacional, Silas Santiago, e da Subsecretária de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas, Empreendedorismos e Artesanato, Antonia Tallarida.

Antonia iniciou a conversa falando sobre as dificuldades de se empreender no Brasil. “Em muitos casos, são necessários quatro brasileiros para fazer um trabalho que uma pessoa nos Estados Unidos faz sozinha. A burocracia acaba prejudicando a produtividade”.

Sobre as medidas tomadas para diminuir os impactos da pandemia nas micro e pequenas empresas, Antonia citou os fundos de aporte e o Programa Nacional de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e os programas emergenciais de acesso a crédito.

Santiago falou sobre o aumento pela busca de cursos online na plataforma do Sebrae – até o dia 18 de maio de 2020, a instituição contabilizou 862.378 inscritos – e abordou ainda os impactos da Covid-19 nos pequenos negócios.

Em média, os pequenos negócios estão operando com um faturamento 60% menor do que o período pré-crise. Atualmente, 32% das empresas estão funcionando utilizando ferramentas digitais, mas há segmentos com mais de 50% de empresas que não estão funcionando, já que estas só conseguem operar presencialmente.

“O momento exige preparação, planejamento e orientação aos empresários para uma retomada segura e consistente”, finalizou.